Get Adobe Flash player

MetrôRio vai operar de forma ininterrupta durante o carnaval

O MetrôRio terá um esquema especial de funcionamento durante os cinco dias de folia. Os trens circularão, sem interrupção, das 5h de sexta-feira (08/02) às 23h de terça-feira (12/02) – com extensão até às 2h de quarta-feira (13/02) nas estações Central, Praça Onze e Ipanema/General Osório.

A partir do meio-dia de sábado (09/02), os trens da Linha 2 farão o trajeto direto entre Pavuna e Ipanema/General Osório sem transferência. A operação especial se repetirá entre as 5h de sábado (16/02) e 23h de domingo (17/02), para atender ao Desfile das Campeãs, no Sambódromo. Leia mais »

Campanha nacional de prevenção à aids no carnaval

O governo federal lançou campanha nacional de prevenção à aids durante o carnaval deste ano. Com o tema A Vida É Melhor sem Aids. Proteja-se. Use Sempre a Camisinha, o foco da campanha é enfatizar a importância do uso do preservativo na hora da relação sexual. No evento, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, destacou que pesquisas recentes apontam queda do uso da camisinha em todas as faixas etárias.

“Houve uma queda considerável de 58% para 49% nas relações com parceiros casuais, ou seja, as pessoas se conhecem e têm relações sem o devido uso do preservativo”, disse Barbosa, que representou o ministro Alexandre Padilha. A pasta informou que 68,6 milhões de preservativos serão distribuídos em todo o país. Leia mais »

Aumento do trabalho escravo em áreas urbanas preocupa

A maior incidência de trabalho escravo em áreas urbanas, principalmente entre imigrantes, é um dos fatores que mais preocupa os responsáveis pelo enfrentamento dessa prática, disse Gabriel dos Santos Rocha, secretário Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

“Estamos dando especial atenção ao Acre, [onde se verifica] a grande presença de haitianos”, disse. Segundo ele, os mais “perversos” empreendedores e empreiteiros estão empregando essas pessoas, mas em alguns casos elas acabam submetidas ao trabalho escravo. “Há uma concentração muito grande no Nordeste, mas também nos preocupa São Paulo. Estamos acompanhando”.

O debate coincide com a sanção, pelo governador Geraldo Alckmin, da Lei 1.034, que determina o fechamento por dez anos de empresas flagradas explorando mão de obra em condições análogas à escravidão. De acordo com a Secretaria Estadual da Justiça e Defesa da Cidadania, a lei servirá como base para a ação do Núcleo de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas e entidades que fazem parte da Comissão Estadual de Combate ao Trabalho Escravo (Coetrae). O texto prevê a responsabilização também de partes da cadeia produtiva pelo crime de tráfico de pessoas para o trabalho escravo. Leia mais »

Ministério da Cultura lança linha de crédito para digitalização de salas de cinema

Em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Agência Nacional do Cinema (Ancine), o Ministério da Cultura lançou, no Rio de Janeiro, uma nova linha de crédito voltada à digitalização das salas de cinema, dentro do Programa Cinema Mais Perto de Você.

A linha terá dotação de R$ 146 milhões, oriundos do Fundo Setorial do Audiovisual, que serão investidos na promoção da atualização tecnológica do parque exibidor nacional, de modo a adequá-lo ao processo de modernização em curso atualmente no mundo.

O presidente da Ancine, Manoel Rangel, disse à Agência Brasil que o programa atende a um anseio antigo dos exibidores brasileiros. “Ele faz parte dos esforços do governo federal, do Ministério da Cultura e da Ancine para expandir o parque exibidor brasileiro, fortalecer as empresas brasileiras que atuam na exibição e fazer um grande mercado interno acessível aos brasileiros, aos filmes feitos no Brasil e às distribuidoras nacionais”. Leia mais »

Iniciadas as obras para despoluição da Praia de Ipanema

As obras de construção de duas estações elevatórias de esgoto subterrâneo, na Praia de Ipanema, no Rio, foram iniciadas ontem (31) e deverão estar concluídas em agosto deste ano. Segundo o secretário do Ambiente, Carlos Minc, que apresentou o projeto, o objetivo é evitar que esgoto clandestino e águas residuais de qualquer natureza sejam despejados na praia de Ipanema.

As elevatórias são parte do Projeto Sena Limpa, cujos custos chegam a R$ 150 milhões. A parceria do governo do estado com a prefeitura vai despoluir as seis principais praias do Rio, até 2014. Desde de 2012, estão em andamento as obras de recuperação ambiental das praias de São Conrado, do Leblon, de Ipanema, do Leme e da Urca, na zona sul e da Bica, na Ilha do Governador, dentro da Baía de Guanabara.